sábado, 4 de fevereiro de 2017

Orlando Berrío: O que esperar?

Orlando Berrío é um dos 5 contratados do Flamengo para 2017. Campeão da Libertadores do ano passado pelo Atlético Nacional, Berrío se destacou como peça importante do time colombiano durante toda a campanha, marcando um dos gols mais importantes do time na competição, que eliminou o Rosário Central, já nos acréscimos. O jogador chega para corrigir um conhecido problema dos flamenguistas, os famosos "pontas burros'', posição que foi muito carente pro time nos últimos anos, mesmo tendo  jogadores como Fernandinho, Marcelo Cirino, Gabriel e  Éverton. Continue a leitura para saber o que os torcedores do Flamengo devem esperar do mais novo jogador do clube!


Comemoração do gol contra o Rosário Central

Durante a última janela de transferências, nomes como Marinho, Vitinho e até o de Eduardo Vargas foram citados como interesses do Flamengo, mas no dia 31 de Janeiro, foi oficializada a vinda de Berrío. O jogador chegou a marca dos 115 jogos com a camisa do Atlético Nacional, tendo marcado 21 gols e dando 15 assistências. Tem uma média alta de cartões amarelos, mas apenas uma expulsão . Apesar de não ser um jogador em início de carreira, ele só veio engrenar de fato após chegar ao Atlético Nacional, onde viveu o seu auge até então.

Dados do site transfermarkt

Boa parte da torcida aprovou a contratação do colombiano, mas uma fatia dela vê a vinda do jogador com maus olhos, justamente pelo medo do fantasma que assusta os flamenguistas há alguns anos, os pontas. Comparações com Marcelo Cirino são constantes, e de fato, jogam de forma bem parecida, mas não é motivo pra nenhum tipo de preocupação, já que ele demonstra ter muito mais qualidade do que o Cirino, em todos os aspectos.

Jogador extremamente forte, veloz e ''raçudo''. Não costuma perder divididas, nem corrida para algum marcador. Também é importante ressaltar que as jogadas de linha de fundo se tornarão mais comuns com Orlando Berrío em campo. Jogada que vimos repetidas vezes: a ida até a linha de fundo, com bastante velocidade. depois joga a bola pro meio da área e espera o atacante empurrar pra rede. Essa arma foi muito útil em 2016 ao lado de Borja e companhia. 


Outra característica marcante do jogador é o seu bom drible. Tem muita facilidade pra se desfazer da marcação com alguns toques na bola e um pouquinho de velocidade, demonstrou isso em toda a Libertadores no ano passado, e com mais facilidade ainda no Campeonato Colombiano. 
Uma característica curiosa de Berrío é que ele ele é um bom marcador, sempre ajudando o time também defensivamente, voltando pra marcar, como um verdadeiro ala, coisa que nenhum ponta do time do Flamengo fazia.

Também podemos esperar que Orlando Berrío seja a principal arma de contra-ataques do time. Devido ao bom condicionamento físico e a correria, será muito utilizado pra puxar os contra-golpes da equipe, principalmente nos finais de partida, quando o adversário já estiver desgastado. Isso foi utilizado como peça chave no Atlético Nacional em 2016 e era uma característica que faltava ao time de Zé Ricardo no ano passado.



Em resumo, é um jogador mais forte, mais veloz, com uma melhor precisão de chutes e mais "inteligente'' que os atuais pontas do Flamengo. Sem dúvidas foi uma contratação precisa e esperta da diretoria do clube, para um setor carente de jogadores de qualidade. É bem provável que funcione ao lado de bons jogadores como Diego e Conca. O jogador de 25 anos ainda não tem data de estreia definida. É uma ótima opção para o técnico Zé Ricardo, que conta com um bom elenco pra brigar por títulos em 2017.

Se será apenas mais um Cirino, só o tempo vai dizer, mas Orlando Berrío tem tudo para dar certo no Mais Querido!


SRN, por Leonardo Oliva 

Um comentárioTeste:

  1. O maior problema do Cirino é a falta de entrega e compromisso com o jogo, porque tecnicamente ele é muito bom; mas, pelo visto, isso não vai faltar ao Berrio

    ResponderExcluir